A responsabilidade social do filósofo e outros escritos políticos, por György Lukács

R$55,00

[ESGOTADO – ENTREGAS DE NOVA TIRAGEM A PARTIR DE 10/12/21]

Há 50 anos, em 4 de junho de 1971, falecia o marxista húngaro György Lukács. Com a publicação de A responsabilidade social do filósofo e outros escritos políticos, prestamos tributo a Lukács não apenas enquanto filósofo, mas também como militante revolucionário. Afinal, o que decorre praticamente de seu pensamento, senão um vigoroso chamado à atividade revolucionária?

“Lukács mobiliza a apropriação marxista do legado de Hegel para encarar o futuro como um problema histórico, captando as mediações entre o passado e as possibilidades futuras que caracterizam o presente enquanto momento do devir. Compreendendo este vir-a-ser, ao operar uma superação da imediaticidade que petrifica o presente como uma simples coisa, este movimento do pensamento lukacsiano permite a apropriação das tendências da realidade naquilo que elas real e dialeticamente apontam para além de si mesmas, enquanto tendências para a construção de um novo mundo. Este problema, enquanto um problema ontologicamente vinculado à construção do futuro como possibilidade de direcionamento histórico, só pode ser encarado como um problema da práxis. Se o humano faz parte do real e contribui para a sua constituição em cada passo que dá, a sua práxis liga-se necessariamente com o pôr das suas tendências objetivas.

Tradução por André Brandão e Bruno Bianchi.

Contendo os escritos:

-A questão dos intelectuais.

-Espontaneidade das massas, atividade do partido

-Questões organizativas da iniciativa revolucionária

-Discurso na discussão sobre tática e estratégia no III Congresso da Internacional Comunista.

-Nikolai Bukharin: Teoria do materialismo histórico (Resenha).

-Moses Hess e os problemas da dialética idealista.

-Democracia e Cultura.

-Lênin e a Questão da Cultura.

-As tarefas da filosofia marxista na nova democracia.

-A responsabilidade social do filósofo.

-Reflexões sobre o culto a Stálin

-Lênin: teórico da prática.

276 páginas

Descrição

[ESGOTADO – ENTREGAS DE NOVA TIRAGEM A PARTIR DE 10/12/21]

Há 50 anos, em 4 de junho de 1971, falecia o marxista húngaro György Lukács. Com a publicação de A responsabilidade social do filósofo e outros escritos políticos, prestamos tributo a Lukács não apenas enquanto filósofo, mas também como militante revolucionário. Afinal, o que decorre praticamente de seu pensamento, senão um vigoroso chamado à atividade revolucionária?

“Lukács mobiliza a apropriação marxista do legado de Hegel para encarar o futuro como um problema histórico, captando as mediações entre o passado e as possibilidades futuras que caracterizam o presente enquanto momento do devir. Compreendendo este vir-a-ser, ao operar uma superação da imediaticidade que petrifica o presente como uma simples coisa, este movimento do pensamento lukacsiano permite a apropriação das tendências da realidade naquilo que elas real e dialeticamente apontam para além de si mesmas, enquanto tendências para a construção de um novo mundo. Este problema, enquanto um problema ontologicamente vinculado à construção do futuro como possibilidade de direcionamento histórico, só pode ser encarado como um problema da práxis. Se o humano faz parte do real e contribui para a sua constituição em cada passo que dá, a sua práxis liga-se necessariamente com o pôr das suas tendências objetivas.

Tradução por André Brandão e Bruno Bianchi.

Contendo os escritos:

-A questão dos intelectuais.

-Espontaneidade das massas, atividade do partido

-Questões organizativas da iniciativa revolucionária

-Discurso na discussão sobre tática e estratégia no III Congresso da Internacional Comunista.

-Nikolai Bukharin: Teoria do materialismo histórico (Resenha).

-Moses Hess e os problemas da dialética idealista.

-Democracia e Cultura.

-Lênin e a Questão da Cultura.

-As tarefas da filosofia marxista na nova democracia.

-A responsabilidade social do filósofo.

-Reflexões sobre o culto a Stálin

-Lênin: teórico da prática.

276 páginas

Informação adicional

Peso 0.410 kg
Dimensões 14 × 21 × 1 cm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “A responsabilidade social do filósofo e outros escritos políticos, por György Lukács”